Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias

Nenhum Comentário

Nesta semana os atores protagonistas da série de TV ficção “Contracapa”, produzida pela GP7 Cinema para a EBC/TV Brasil, iniciaram a leitura dos roteiros com os diretores Guto Pasko e Franco Verdóia.

O elenco é formado por grandes nomes paranaenses, tanto da velha como da nova geração de atores. Ao todo são 107 atores na série, incluindo as pequenas participações.

No núcleo central de protagonistas estão os atores Hélio Barbosa, Carolina Fauquemont, Tiago Luz, Zéca Cenovicz, Mauro Zanatta, Michelle Pucci e Renét Lyon.

O enredo da série narra os bastidores da construção da notícia, a partir do jornalismo investigativo. As duas próximas semanas serão de intenso trabalho no processo de construção das personagens.

Gp7 Cinema



Tags
, , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias

Nenhum Comentário

A equipe de direção, arte, fotografia e produção da série “Contracapa” encontraram o local apropriado para criar a redação da “Gazeta Brasileira”, jornal impresso fictício no qual se desenrola a trama. Essa locação é o coração da série, uma vez que metade das cenas dos 13 episódios de 52 minutos se passa aí, retratando o dia a dia de uma grande equipe de jornalistas desse jornal, em meio aos desafios e dilemas que cercam a construção da notícia.
Agora a diretora de arte Isabelle Bitencourt e sua equipe, após as reformas, iniciaram a ambientação do local para que ganhe personalidade própria.
As filmagens irão acontecer de agosto até novembro de 2017. A direção geral é do cineasta paranaense Guto Pasko com codireção do argentino Franco Verdóia. A produção executiva é de Andréia Kaláboa e direção de produção de Max Leean. A fotografia é de João Castelo Branco com a colaboração de Ivanir Silva.

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , ,

Categorias
Festivais, Guto Pasko, Notícias

Nenhum Comentário

O projeto de longa-metragem ficção idealizado por Andréia Kaláboa e roteirizado em parceria com Tiago Lipka  participou do Curitiba LAB dentro das atividades do Festival Internacional Olhar de Cinema em parceria com o SESI/PR.

O LAB é um espaço para desenvolvimento de projetos cinematográficos, com o objetivo de apontar suas forças e fraquezas, além orientar os produtores de modo a tornar seus projetos mais atraentes e viáveis. Os consultores foram Tati Leite, Ana Johann, Leonardo Levis e Aly Muritiba.

“Sereis Uma Só Carne” é uma obra audiovisual sobre o empoderamento feminino dentro do universo religioso, em que se misturam fé, fantasia e realidade, tudo isso permeado de erotismo.

Projeto participou da 14ª edição do Curso de Desarrollo de Proyectos Cinematográficos Iberoamericanos da Fundação Carolina / Programa IBERMEDIA em Madrid/Espanha em 2016 (único projeto brasileiro selecionado nessa edição) e do 5º Laboratório Novas Histórias – Programa SESC/SENAC de Desenvolvimento de Roteiros 2015.

O filme será a estréia de Andréia Kaláboa na direção de longas de ficção e a produção é assinada por Guto Pasko. Neste momento a produtora busca os recursos de produção e parcerias de coprodução internacional e a estimativa é filmar em 2018.

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias

Nenhum Comentário

O longa documentário aborda o cotidiano do município paranaense de Prudentópolis e fecha a trilogia ucraniana do diretor.

O município de Prudentópolis no Paraná é peculiar. Tudo inspira a Ucrânia. Dos atuais 52 mil habitantes, 75% são de origem ucraniana. Os ucranianos em Prudentópolis fizeram-se valer da superioridade numérica para impor seus meios de identificação, fazendo que, concomitantemente, os demais que também habitam a região (brasileiros e poloneses), assimilassem seus usos e costumes e, deste modo, aceitassem suas representações de modo incontestável, tornando-se um caso único no mundo, aonde o grupo que chega, domina o grupo receptor.

Embora estes três filmes abordem a temática da imigração ucraniana, são filmes absolutamente diferentes e independentes, com focos bem específicos, porém, se completam enquanto temática e estudo de caso.

O primeiro filme de Pasko que aborda a imigração ucraniana é o longa-metragem “Made in Ucrânia” (2006), que faz um resgate histórico-didático sobre a Ucrânia e as três fases da imigração para o Brasil.

O segundo filme é o longa-metragem “Iván” (produzido em 2010/2011 e lançado nos cinemas em 2015), retratando a vida do imigrante ucraniano Iván Bojko, que vive em Curitiba e é refugiado de segunda guerra mundial. O documentário é baseado nos diários pessoais dele e pano de fundo do filme é o comunismo soviético na Ucrânia e sofrimento desse imigrante nas mãos dos nazistas depois de ter sido sequestrado por eles numa aldeia rural da Ucrânia e levado para trabalho forçado na Alemanha no período da guerra.

O longa também foi selecionado no Edital de Licenciamento de filmes paranaenses promovido pela Secretaria de Cultura do Estado com o objetivo de estimular a difusão do audiovisual paranaense na Rádio e TV Educativa do Paraná (RTVE) – TV É-Paraná. As obras selecionadas e licenciadas passarão a fazer parte do cadastro de obras audiovisuais da RTVE pelo período de dois anos e serão veiculadas dentro da grade de programação da emissora.

A estréia do filme acontece dentro do festival internacional Olhar de Cinema. São duas sessões do filme dentro do festival. Dia 08/06 às 21h30min na sala 3 do Cine Itáu do Shopping Crystal no Batel, seguida de debate com o diretor Guto Pasko e Dia 09/06 às 16h30min na sala 4 do Cineplex do Shopping Novo Batel.

O filme foi produzido via Art. 1o. A da Lei do Audiovisual e contou com patrocínio master da COPEL através do Programa Conta Cultura da Secretaria de Estado da Cultura do Paraná, além de contar com patrocínio do BRDE, LAQUILA e CASAFERTIL.

Ficha Técnica:

Roteiro e Direção: Guto Pasko
Produção Executiva: Andréia Kaláboa
Direção de Produção: Amarildo Martins
Direção de Fotografia: João Castelo Branco
Captação e Edição de Som: Elenton Zanoni
Montagem: Guto Pasko e Heidi Peters

SINOPSE:

Em Prudentópolis no sul do Brasil, 75% da população são de origem ucraniana. Lá, os “brasileiros” sempre foram obrigados a compartilhar mesmo que involuntariamente, dos usos e costumes desse povo, que os “impôs” no dia-a-dia da população local por mais de um século, gerando muitos conflitos com quem não é ucraniano. Mas o processo de aculturação chegou, e para todos.

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias, Uncategorized

Nenhum Comentário

O longa-metragem documental será exibido nesta quinta-feira, 01 de junho, às 19h no CineDocs do SESC Paço da Liberdade em Curitiba.

Após a sessão haverá um debate entre a platéia e o diretor do filme Guto Pasko.

A entrada é gratuita e limitada a capacidade do local.

O Paço da Liberdade fica na Praça Generoso Marques, 189 – Centro – Curitiba.

IVÁN é uma produção da GP7 Cinema e a distribuição nos cinemas foi da Moro Filmes.

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias

Nenhum Comentário

Nas últimas cinco semanas, 189 atores paranaenses participaram da primeira bateria de testes para a série de TV ficção “Contracapa” da GP7 Cinema que está sendo produzida em Curitiba.

A série narra os bastidores da construção da notícia, a partir do jornalismo investigativo, mostrando o dia a dia profissional de uma equipe de jornalistas da “Gazeta Brasileira” , a qual se vê em apuros ao investigar um caso de corrupção política no Brasil.

A série terá 13 episódios de 52 minutos cada distribuídos em três núcleos (jornalistico, político e policial), sendo a redação do jornal impresso o núcleo principal da história. O elenco principal destes núcleos chega a 35 atores, mas ao todo são cerca de 60 personagens na série e com as pequenas participações chega a 107 atores.

A direção geral da série é do cineasta Guto Pasko, que tem a intenção de fechar o elenco todo com atores paranaenses. “Curitiba sempre foi um celeiro de bons atores. Só iremos buscar algum ator fora do Paraná caso realmente tenhamos dificuldades para fechar determinado personagem com os talentos locais”, diz Pasko.

Os testes do núcleo principal da série ficaram a cargo do produtor de elenco Fábio Parra, que nesta semana está avaliando o resultado do casting com o diretor Guto Pasko. Essa primeira etapa de seleção, focada nos personagens principais da trama, não foi aberta aos atores em geral, foi através de convite direto aos principais atores e atrizes do estado que se enquadravam no perfil necessário.

A partir desta triagem inicial, que também teve auxilio da produtora de elenco Consuelo Schoemberger, a direção começa a definir os primeiros nomes a serem escalados pra série, os quais serão divulgados em breve.

Nas próximas semanas serão realizados os testes para o elenco coadjuvante e de apoio, onde serão dadas oportunidades para um número maior de atores. Essa nova etapa ficará a cargo da produtora de elenco Raquel Neves.

A ideia é ter o elenco todo definido até o final do mês de junho para que em julho já seja dado inicio ao processo de preparação de atores. As filmagens vão acontecer nos meses de agosto, setembro, outubro e novembro de 2017.

Gp7 Cinema




Categorias
Imprensa, Notícias

Nenhum Comentário

Estreou no circuito de TVs comunitárias e universitárias brasileiras a série documental “Um Lugar Para Chamar de CEU”.

“Um Para Chamar de CEU” é sobre a história e as experiências de 5 jovens, moradores da CEU (Casa do Estudante Universitário do Paraná), cada um em um estágio diferente na universidade e na vida, todos de lugares diferentes do Brasil, mas com o mesmo objetivo: fazer uma faculdade e mudar suas histórias pessoais e familiares.

Produzida pela GP7 Cinema, com investimentos do Fundo Setorial do Audiovisual – Chamada Pública PRODAV 12/2014, a série tem direção e roteiro de Amarildo Martins e Guto Pasko e produção executiva de Andréia Kaláboa.

Ao todo mais de 200 TVs dos segmentos universitário, comunitário, educativo e cultural do campo público de televisão tiveram acesso à série “Um Lugar Para Chamar de CEU” e poderão exibí-la até março de 2018.

As datas e horários de exibição, bem como as TVs, serão divulgadas na página do facebook da série.
Link: https://www.facebook.com/serieCEU/ 

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , , , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias, Projetos

Nenhum Comentário

A série de TV ficção com 13 episódios de 52 minutos teve inicio no começo de fevereiro com a inauguração da nova sala de roteiros da GP7 Cinema, preparada especificamente para servir aos roteiristas parceiros no processo criativo e de desenvolvimento dos projetos de séries e filmes da produtora.

Para aprimorar as tramas, desenvolver o arco definitivo e escrever todos os roteiros da primeira temporada de “Contracapa”, que narra os bastidores da construção da notícia a partir do jornalismo investigativo, o criador e Roteirista Chefe Rafael Waltrick, conta com uma equipe de mais 04 roteiristas na sala: Tiago Lipka, Marçal do Carmo, Fernando Marés de Souza e Guto Pasko.

A estrutura narrativa da trama da série tem como base o desenvolvimento de uma reportagem investigativa, mostrando as etapas, desafios e impasses que geralmente cercam este tipo de matéria dentro de um grande jornal.

O enredo está centrado no trabalho de uma equipe de jornalistas de um tradicional jornal impresso, em crise de credibilidade e financeira, que se vê em perigo ao tentar investigar um grande esquema de corrupção que envolve a produção sistemática de dossiês com o vazamento misterioso de informações sigilosas de inquéritos criminais que podem desvelar um escândalo de corrupção, comprometendo políticos e outras pessoas influentes, incluindo o próprio veículo de imprensa em que trabalham os jornalistas.

“Contracapa” não trará à tona somente o que acontece nos bastidores da criação das notícias dentro de uma Redação de um jornal, mas também mostrará o dia-a-dia, as apreensões, anseios e dilemas que cercam os profissionais que trabalham em um grande veículo de comunicação. Os protagonistas da série possuem afinidades, mas também diferentes maneiras de enxergar o trabalho jornalístico, o que também os colocará em conflito um com os outros em vários momentos.

A série está sendo produzida com investimentos do Fundo Setorial do Audiovisual – FSA/BRDE. O projeto foi selecionado na linha PRODAV 12, que visa a produção de conteúdo audiovisual para abastecer a grade de programação das TV´s Públicas Brasileiras, que serão a primeira janela de exibição em rede nacional, através da distribuição do conteúdo em rede via EBC/TV Brasil.

É a primeira vez que uma produtora independente do Estado do Paraná produz uma série de TV ficção nesse porte para o mercado de TV aberta. Posteriormente, a produtora pretende licenciar a obra para outros players do mercado, como emissoras de TV pagas e serviços de Streaming de vídeo.

Ainda no mês de fevereiro será dado inicio ao processo de pesquisa de elenco e os testes e escalação dos atores acontecerão no decorrer do mês de março. As filmagens estão programadas para acontecerem entre os meses de junho e setembro de 2017 na cidade de Curitiba.

Quem assina a Direção Geral da série é o cineasta paranaense Guto Pasko e a Produção Executiva é de Andréia Kaláboa.

Gp7 Cinema



Tags
, , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias

Nenhum Comentário

Nesta semana a equipe de finalização concluiu o quinto e último episódio da minissérie documental “Um Lugar Para Chamar de CEU” produzida pela GP7 Cinema para as TVs públicas brasileiras.

O projeto foi idealizado pelo jovem produtor audiovisual Amarildo Martins, que divide a assinatura do roteiro e direção da minissérie com o diretor paranaense Guto Pasko.

A produção teve financiamento do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA), através da chamada PRODAV 12/2014, integrante do Programa Brasil de Todas as Telas da Agência Nacional de Cinema – ANCINE e será destinada ao campo público de televisão

A estreia nacional em TV aberta está prevista para o mês de março de 2017.

Sinopse

Série documental sobre a história e as experiências de 5 jovens, moradores da CEU (Casa do Estudante Universitário do Paraná), cada um em um estágio diferente na universidade e na vida, todos de lugares diferentes do Brasil, mas com o mesmo objetivo: fazer uma faculdade e mudar suas histórias pessoais e familiares.

Personagens

  • Amarildo Martins. Graduado em Produção Cênica (UFPR) e especialista em Cinema (FAP/ UNESPAR). Foz do Iguaçu – PR.
  • Patrícia Waltrick. Graduanda em Teatro (PUC-PR). Rio Negrinho – SC.
  • Ana Paula Cécere. Graduanda em Enfermagem (UFPR). Borrazópolis – PR.
  • Wellington Cassiano. Graduando em Engenharia Mecânica (PUC-PR). Volta Redonda – RJ.
  • Luiz Lemos. Graduado em Psicologia (UTP). Sorocaba – SP.

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias

Nenhum Comentário

O projeto de série ficção com 13 episódios de 52 minutos cada foi contemplado na linha PRODAV 05/2015 do Programa Brasil de Todas as Telas da ANCINE e agora contará com financiamento no valor de R$ 150 mil do Fundo Setorial do Audiovisual – FSA/BRDE para o seu desenvolvimento.

A série foi criada pelos roteiristas Tiago Lipka e Felipe Rocha e terá produção da GP7 Cinema, produtora paranaense dirigida por Guto Pasko e Andréia Kaláboa.

“Caminho Sem Volta” é um drama adulto sobre crime e lealdade. No desenrolar da primeira temporada, a amizade de três homens, que são melhores amigos desde a infância, é colocada em prova após a ascensão deles dentro do mundo do crime.

A série paranaense é um dos 88 projetos de produtoras independentes de 15 estados do País que receberão Recursos do Fundo Setorial do Audiovisual – FSA/BRDE nesta edição da linha de financiamento.

No inicio do mês de março de 2017 o projeto estará participando das Rodadas de Negócios no Rio Content Market, que é o maior encontro de negócios da América Latina entre produtores independentes e profissionais de televisão e mídia digitais.