Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias

Nenhum Comentário

Bezerra, Inácio, Andressa e Rui. Estes são os jornalistas investigativos da série de TV “Contracapa” que está sendo produzida em Curitiba pela GP7 Cinema e que narra os bastidores da construção da notícia, a partir do jornalismo investigativo. Os personagens são interpretados pelos atores paranaenses Mauro Zanatta, Hélio Barbosa, Carolina Fauquemont e Tiago Luz, respectivamente. O elenco completo da série conta com 107 atores.

As filmagens, que se iniciaram no dia 12 de agosto de 2017, entram agora na sua etapa final. Neste final de semana foi rodada a diária 52 de 75 inicialmente previstas.

O coração da série é o dia a dia desta equipe de jornalistas investigativos do jornal fictício “Gazeta Brasileira”, que se envolvem na apuração de um caso de corrupção política e, ao chegarem em fatos e interesses de grupos poderosos, acabam sendo obrigados a lidar com sérias consequências, o que leva alguns inclusive a repensarem e questionarem sua própria profissão.

As filmagens vão até 15 de novembro de 2017 e os 13 episódios de 52 minutos cada estarão finalizados até março de 2018. A estréia em rede nacional está prevista para o segundo semestre de 2018 através da TV Brasil que irá distribuir o conteúdo para toda a TV Pública brasileira em rede.

“Contracapa” é uma criação do jornalista e roteirista Rafael Waltrick em parceria com o cineasta paranaense Guto Pasko, que assina a direção geral da série. A produção é de Andréia Kaláboa e codireção do argentino Franco Verdoia.

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , , , , , , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias

Nenhum Comentário

A produtora GP7 Cinema começou a filmar no último dia 12 a série de ficção “Contracapa” sobre jornalismo investigativo. Essa é a obra audiovisual 41 do portfólio da produtora paranaense, que completou 16 anos de história no mês de junho de 2017.

As gravações serão todas na cidade de Curitiba e se entenderão até o dia 10 de novembro, num total previsto de 75 diárias para filmar os 13 episódios de 52 minutos cada que compõem a primeira temporada.

A série narra os bastidores da construção da notícia, a partir do jornalismo investigativo, tendo como pano de fundo o dia a dia profissional de uma equipe de jornalistas de um grande jornal impresso chamado “Gazeta Brasileira”, que, ao se envolverem uma investigação sobre um caso de corrupção política no Brasil, se colocam em risco.

No elenco, grande parte dos atorens são paranaenses, chegando a 107 com as pequenas participações.

A série foi criada pelo jornalista e roteirista Rafael Waltrick a partir de uma demanda da produtora e das TV´s Públicas Brasileiras. Na equipe de roteiristas, além de Waltrick, fizeram parte Tiago Lipka, Fernando Marés, Marçal do Carmo e Guto Pasko. A Direção Geral é assinada pelo cineasta paranaense Guto Pasko com codireção do argentino Franco Verdoia. A Fotografia é de João Castelo Branco com colaboração de Ivanir Silva. A Direção de Arte é de Isabelle Bitencout e Direção de Produção de Max Leean. A montagem estará a cargo de João Menna Barreto e Lucas Cesário.  A produção é de Andréia Kaláboa e Guto Pasko, sócios da GP7 Cinema.

A obra está sendo financiada pela linha PRODAV 12/2016 do FSA/BRDE destinada à produção de conteúdo para as TV´s Públicas Brasileiras. A estréia está prevista para o segundo semestre de 2018 e a distribuição  / difusão nacional em TV aberta será via EBC/TV Brasil. Posteriormente o conteúdo será exibido na TV paga também e nos serviços de streaming de vídeo – VOD.

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias

Nenhum Comentário

Nesta semana os atores protagonistas da série de TV ficção “Contracapa”, produzida pela GP7 Cinema para a EBC/TV Brasil, iniciaram a leitura dos roteiros com os diretores Guto Pasko e Franco Verdóia.

O elenco é formado por grandes nomes paranaenses, tanto da velha como da nova geração de atores. Ao todo são 107 atores na série, incluindo as pequenas participações.

No núcleo central de protagonistas estão os atores Hélio Barbosa, Carolina Fauquemont, Tiago Luz, Zéca Cenovicz, Mauro Zanatta, Michelle Pucci e Renét Lyon.

O enredo da série narra os bastidores da construção da notícia, a partir do jornalismo investigativo. As duas próximas semanas serão de intenso trabalho no processo de construção das personagens.

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , , , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias, Projetos

Nenhum Comentário

A série de TV ficção com 13 episódios de 52 minutos teve inicio no começo de fevereiro com a inauguração da nova sala de roteiros da GP7 Cinema, preparada especificamente para servir aos roteiristas parceiros no processo criativo e de desenvolvimento dos projetos de séries e filmes da produtora.

Para aprimorar as tramas, desenvolver o arco definitivo e escrever todos os roteiros da primeira temporada de “Contracapa”, que narra os bastidores da construção da notícia a partir do jornalismo investigativo, o criador e Roteirista Chefe Rafael Waltrick, conta com uma equipe de mais 04 roteiristas na sala: Tiago Lipka, Marçal do Carmo, Fernando Marés de Souza e Guto Pasko.

A estrutura narrativa da trama da série tem como base o desenvolvimento de uma reportagem investigativa, mostrando as etapas, desafios e impasses que geralmente cercam este tipo de matéria dentro de um grande jornal.

O enredo está centrado no trabalho de uma equipe de jornalistas de um tradicional jornal impresso, em crise de credibilidade e financeira, que se vê em perigo ao tentar investigar um grande esquema de corrupção que envolve a produção sistemática de dossiês com o vazamento misterioso de informações sigilosas de inquéritos criminais que podem desvelar um escândalo de corrupção, comprometendo políticos e outras pessoas influentes, incluindo o próprio veículo de imprensa em que trabalham os jornalistas.

“Contracapa” não trará à tona somente o que acontece nos bastidores da criação das notícias dentro de uma Redação de um jornal, mas também mostrará o dia-a-dia, as apreensões, anseios e dilemas que cercam os profissionais que trabalham em um grande veículo de comunicação. Os protagonistas da série possuem afinidades, mas também diferentes maneiras de enxergar o trabalho jornalístico, o que também os colocará em conflito um com os outros em vários momentos.

A série está sendo produzida com investimentos do Fundo Setorial do Audiovisual – FSA/BRDE. O projeto foi selecionado na linha PRODAV 12, que visa a produção de conteúdo audiovisual para abastecer a grade de programação das TV´s Públicas Brasileiras, que serão a primeira janela de exibição em rede nacional, através da distribuição do conteúdo em rede via EBC/TV Brasil.

É a primeira vez que uma produtora independente do Estado do Paraná produz uma série de TV ficção nesse porte para o mercado de TV aberta. Posteriormente, a produtora pretende licenciar a obra para outros players do mercado, como emissoras de TV pagas e serviços de Streaming de vídeo.

Ainda no mês de fevereiro será dado inicio ao processo de pesquisa de elenco e os testes e escalação dos atores acontecerão no decorrer do mês de março. As filmagens estão programadas para acontecerem entre os meses de junho e setembro de 2017 na cidade de Curitiba.

Quem assina a Direção Geral da série é o cineasta paranaense Guto Pasko e a Produção Executiva é de Andréia Kaláboa.

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias, Projetos, Uncategorized

Nenhum Comentário

A série ficcional com 13 episódios de 52 minutos da GP7 Cinema de Curitiba sobre “jornalismo investigativo” foi selecionada na segunda edição da Chamada Pública para Produção de Conteúdos para as TVs Públicas – PRODAV 12/2015 – dentro do Programa Brasil de Todas as Telas.

O Programa Brasil de Todas as Telas é uma iniciativa da Agência Nacional do Cinema (Ancine), em parceria com o Ministério da Cultura (MinC) e com a colaboração do Comitê Gestor do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA), que tem como objetivo expandir o mercado interno e universalizar o acesso da população aos serviços audiovisuais, com investimento em produção, distribuição e programação de conteúdos.

Para esta linha de produção de conteúdo foram destinados R$ 60 milhões do FSA, divididos em cinco editais regionais abertos simultaneamente, cada um deles no valor de R$ 12 milhões, que resultou na seleção de 57 propostas, sendo três delas no Paraná – duas em Curitiba e uma em Londrina.

A produtora GP7 Cinema irá receber R$ 3,7 milhões de investimento do FSA para produzir a série, que será filmada no primeiro semestre de 2017 na cidade de Curitiba.

Segundo Guto Pasko, sócio da GP7 Cinema, os projetos selecionados nessa chamada pública e o aporte financeiro destinado para as produções trarão recursos que movimentarão toda a cadeia produtiva do setor audiovisual paranaense.

“Editais como esse potencializam o mercado local e facilitam o acesso de produtoras de fora do eixo Rio – São Paulo às grandes emissoras, principalmente os canais fechados que, após a Lei 12.485/2011, precisam exibir no mínimo três horas e meia por semana de programação com conteúdo produzido no Brasil. Nosso desafio é tentar trazer o máximo de recursos para fomentar a produção paranaense e ajudar a abastecer essa demanda também”, afirma Guto Pasko.

A série é resultado da parceria criativa do jornalista e roteirista Rafael Waltrick e do diretor e roteirista Guto Pasko. As tevês públicas serão a ‘primeira janela’ para o seriado, que depois poderá ser licenciado para canais abertos e fechados, no Brasil e no exterior.

Resumo do enredo:

“Equipe da velha-guarda de jornalistas de um importante jornal impresso em crise financeira e de credibilidade, tenta apurar um esquema de corrupção que envolve a produção de dossiês políticos, vazamento de informações sigilosas e investigações criminais para comprometer pessoas específicas”.