Warning: Use of undefined constant core_mods - assumed 'core_mods' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/storage/d/20/68/site1394038934/public_html/wp-content/themes/gp7-theme/functions.php on line 12
Imigrantes ucranianos | GP7 Cinema

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , , , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias

Comments Off on CANAL BRASIL licencia filme “Parabéns a você” da GP7 Cinema

Depois de uma trajetória premiada no circuito de festivais de cinema, incluindo os prêmios de melhor direção de fotografia e melhor direção de arte no último Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, o curta-metragem “Parabéns a você”, de Andréia Kaláboa, agora chega na grade de programação do Canal Brasil na TV paga.

O Canal Brasil reúne o que há de melhor da cultura brasileira numa programação variada de cinema, música e irreverência, sempre com conteúdo 100% nacional.

O Canal Brasil é (re)conhecido como a casa do cinema brasileiro.

O curta narra a história da garota Yiulia, de sete anos, que vive numa comunidade rural de imigrantes ucranianos isolada no interior do Paraná e sonha em ganhar a sua primeira festa de aniversário, porém, a morte inesperada de um familiar, torna seu objetivo mais difícil.

O filme é protagonizado pela atriz mirim Mônica Khristo, tendo no elenco ainda os atores paranaenses Rodrigo Ferrarini, Juliana Tosin e Zeca Cenovicz.

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , ,

Categorias
Festivais, Notícias

Comments Off on Curta “Parabéns a você” de Andréia Kaláboa no Festival de Brasília

Tem produção da GP7 Cinema no 52o. Festival de Brasília do cinema brasileiro.

O curta-metragem “Parabéns a você” dirigido por Andréia Kaláboa será exibido hoje às 21h no Cine Brasília na competitiva oficial.

O filme já participou dos festivais 17o. Curta Santos, 13o. Santa Maria Vídeo e Cinema e 5o. Festival Curta Campos do Jordão.

Inspirado numa passagem da infância da diretora Andréia Kaláboa, o curta retrata a vida bucólica de uma criança numa comunidade isolada de imigrantes ucranianos no município de Prudentópolis, no interior do Paraná.

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias

Comments Off on Longa “Aldeia Natal” tem sequência de filmagens na Ucrânia

Guto Pasko chega na Ucrânia acompanhado de seus pais para continuidade das filmagens do longa-metragem documental “Aldeia Natal”, que retrata a história da família.

O diretor passou três décadas renegando a sua origem ucraniana, mas essa herança cultural tem ecoado há anos, tanto na sua vida pessoal quanto no cinema que ele faz, o que levou o diretor a uma profunda crise existencial e profissional nos últimos tempos.

E para entender quem era e de onde veio, Guto Pasko mergulhou num intenso processo de pesquisa genealógica e chegou um momento em que era preciso desenterrar 120 anos de carma histórico familiar. E para isso, era preciso ir até a Ucrânia.

Tanto os antepassados por parte de pai quanto da mãe de Guto Pasko são originários da Ucrânia e imigraram para o Brasil em 1896.

A Aldeia Yaseniv, no Município de Brody, na Província de Lviv é de onde saíram os “Pasko” e a Aldeia Skvaryava, no Município de Zolochiv, também na Província de Lviv (oeste do país), é de onde saíram os “Ternosky”, antepassados de sua mãe.

As filmagens no leste europeu se entenderão até final de novembro.

Após o retorno ao Brasil, as filmagens continuam no município de Prudentópolis, no Paraná, com termino previsto para o dia 27 de dezembro de 2019.

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , , , , , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias

Comments Off on ALDEIA NATAL: Guto Pasko retoma as filmagens de seu novo longa

“Aldeia Natal” é um longa-metragem documental sobre a história pessoal e familiar do roteirista e diretor paranaense Guto Pasko, que propõe uma reflexão sobre as complexas relações familiares.

Narrado em primeira pessoa, “Aldeia Natal” investiga a história e conflitos deste núcleo familiar de imigrantes, extremamente religiosos e conservadores, que mantiveram por mais de um século nas matas do interior do Paraná suas complexas tradições culturais trazidas da longínqua Ucrânia.

De hoje até dia 05 de novembro a equipe filma na Aldeia Natal do diretor, a Colônia de Queimadas, em Prudentópolis/PR, município de 52 mil habitantes, dos quais 75% são de origem ucraniana.

No dia 06 de novembro Guto Pasko e seus pais embarcam para a Ucrânia acompanhados da equipe em busca das aldeias de origem dos seus antepassados 123 anos depois.

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias

Comments Off on “Parabéns a você” de Andréia Kaláboa é filmado em Prudentópolis/PR
  • A produtora GP7 Cinema concluiu nesta semana as filmagens do curta-metragem “Parabéns a você”, as quais ocorreram integralmente nas colônias rurais de imigrantes ucranianos de Barra D´Areia, Ponte Nova, Taboãozinho e Manduri no município paranaense de Prudentópolis, cidade natal da diretora do filme, Andréia Kaláboa, e do produtor Guto Pasko.

    “Parabéns a você” é uma obra de ficção inspirada na infância da roteirista e diretora Andreia Kaláboa. O roteiro é assinado por Kaláboa em parceria com Ana Johann.

    A história se passa no ano de 1988, ano em que o Brasil enfrentava muitas dificuldades econômicas e um marco daquela época na economia foi à elevada inflação.

    O filme, através da personagem Yulia, 07 anos, de família humilde de agricultores de descendência eslava do interior do Paraná, mostra como uma criança lida com as dificuldades, novas descobertas, suas expectativas, sonhos, medos e frustrações.

    O sonho de Yulia é ganhar uma festa e um bonito bolo no seu aniversário, mas as dificuldades dos pais e a crise econômica no país interferem nos seus objetivos.

    A menina também perde um primo e tem seu primeiro contato com a morte na semana do seu aniversário.

    O roteiro aborda de forma lúdica e fantástica essas vivências da menina. Yulia vai ter que aprender logo cedo que nem tudo funciona como desejamos e que não temos controle sobre várias coisas na vida.

    A produção foi viabilizada através do Mecenato Subsidiado da Lei Municipal de Incentivo à Cultura de Curitiba, com incentivo fiscal do Consórcio Ademilar, Grupo Uninter e da Unimed, além do apoio local da Prefeitura Municipal de Prudentópolis via Secretarias da Cultura e do Turismo. (more…)

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , , ,

Categorias
Festivais, Guto Pasko, Notícias

Comments Off on Longa “Entre Nós, O Estranho” é exibido em Mostra de Cinema Eslavo

A sessão especial será dia 27 de agosto de 2018 às 19:00hs na Cidade de Mallet/PR e terá a participação do diretor Guto Pasko para um debate com o público.

A mostra é promovida pelo Núcleo de Estudos Eslavos (NEES) da Universidade Centro-Sul do Paraná (UNICENTRO) e tem por objetivo ofertar uma mostra de filmes, acompanhada de debates, que propiciem reflexões sobre as teorias e práticas do cinema no âmbito da cultura eslava europeia e sul-americana.

As sessões da Mostra acontecerão entre agosto e novembro de 2018 no município de Mallet, interior do Paraná. O projeto prevê a exibição de quatro filmes, sendo que para cada exibição haverá também um debatedor responsável por apresentar o filme e conduzir a discussão.

Os filmes produzidos por imigrantes eslavos dialogam diretamente não só com aspectos históricos da Polônia, Ucrânia e Rússia, mas também com as correntes estéticas que conformaram os cinemas eslavos europeus. Ainda que os diferentes contextos geográficos e as diferentes épocas sublinham característica específicas da história dos povos eslavos e sua interação com outras nacionalidades e adversidades, por outro lado, inúmeros elementos se repetem na trajetória dos povos eslavas, seja imageticamente, literariamente, mas também historicamente. É nesse sentido que o subtítulo “imagen(s) eslavas” foi proposto, ou seja, trata-se de uma herança eslava que se manifesta de forma singular-plural, uma conjunção (e disjunção) de distintas variações: exílios, imigrações, perseguições, etc. Dessa forma, a Mostra pretende “fazer a costura” entre os filmes, estabelecendo relações entre eles, apontando para uma reflexão crítica sobre a obra de arte, mas também sobre as sociedades nas quais nos inserimos.

O longa-metragem documental “Entre Nós, O Estranho”, produzido pela GP7 Cinema, retrata a cotidiano do município paranaense de Prudentópolis, formado por 75% da população com origem ucraniana.

O projeto encontra-se vinculado ao Programa de Extensão do Núcleo de Estudos Eslavos da UNICENTRO.

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias

Comments Off on Longa “Entre Nós, O Estranho” estréia na TV Educativa do PR

O filme de Guto Pasko aborda o cotidiano do município paranaense de Prudentópolis e fecha a trilogia ucraniana do diretor, que conta ainda com os filmes “Made in Ucrânia” de 2006 e “Iván”,  lançado nos cinemas em 2015 e na TV paga brasileira em 2018 na emissora CINEBRASiLTV.

O longa-metragem documental “Entre Nós, O Estranho” foi selecionado no Edital de Licenciamento de filmes paranaenses promovido pela Secretaria de Cultura do Estado em 2017 com o objetivo de estimular a difusão do audiovisual paranaense na Rádio e TV Educativa do Paraná (RTVE) – TV É-Paraná, canal 9.

As obras selecionadas e licenciadas passaram a fazer parte do cadastro de obras audiovisuais da RTVE pelo período de dois anos e serão veiculadas dentro da grade de programação da emissora. A próxima exibição em rede estadual está prevista para o mês de abril de 2018.

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , , , , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias

Comments Off on Longa “Entre Nós, O Estranho” é licenciado para TV Educativa

O filme de Guto Pasko aborda o cotidiano do município paranaense de Prudentópolis e fecha a trilogia ucraniana do diretor. O longa foi selecionado no Edital de Licenciamento de filmes paranaenses promovido pela Secretaria de Cultura do Estado com o objetivo de estimular a difusão do audiovisual paranaense na Rádio e TV Educativa do Paraná (RTVE) – TV É-Paraná. As obras selecionadas e licenciadas passarão a fazer parte do cadastro de obras audiovisuais da RTVE pelo período de dois anos e serão veiculadas dentro da grade de programação da emissora.

O primeiro filme de Pasko que aborda a imigração ucraniana é o longa-metragem “Made in Ucrânia” (2006), que faz um resgate histórico-didático sobre a Ucrânia e as três fases da imigração para o Brasil.

O segundo filme é o longa-metragem “Iván”  (produzido em 2010/2011 e lançado nos cinemas em 2015), retratando a vida do imigrante ucraniano  Iván Bojko, que vive em Curitiba e é refugiado de segunda guerra mundial. O documentário é baseado nos diários pessoais dele e pano de fundo do filme é o comunismo soviético na Ucrânia e sofrimento desse imigrante nas mãos dos nazistas depois de ter sido sequestrado por eles numa aldeia rural da Ucrânia e levado para trabalho forçado na Alemanha no período da guerra.

E o terceiro e último longa-metragem da trilogia ucraniana é “Entre Nós, O Estranho”, sobre a cidade natal do diretor. O município de Prudentópolis no Paraná é peculiar. Tudo inspira a Ucrânia. Dos atuais 52 mil habitantes, 75% são de origem ucraniana. Os ucranianos em Prudentópolis fizeram-se valer da superioridade numérica para impor seus meios de identificação, fazendo que, concomitantemente, os demais que também habitam a região (brasileiros e poloneses), assimilassem seus usos e costumes e, deste modo, aceitassem suas representações de modo incontestável, tornando-se um caso único no mundo, aonde o grupo que chega, domina o grupo receptor.

Embora estes três filmes abordem a temática da imigração ucraniana, são filmes absolutamente diferentes e independentes, com focos bem específicos,  porém, se completam enquanto temática e estudo de caso.

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , , , , ,

Categorias
Imprensa

Comments Off on Cineasta Guto Pasko leva “Iván” para casa

Matéria Publicada no Caderno G do Jornal Gazeta do Povo em 23.11.15.

Documentário leva o nonagenário Iván Bojko em viagem à Ucrânia para reencontrar a irmã que não via há 68 anos.

Após lançar em 2006 o documentário “Made in Ucrânia”, que abordava a imigração ucraniana no Brasil, o cineasta Guto Pasko foi presenteado por um de seus entrevistados.

Emocionado, Iván Bojko, à época com 86 anos, entregou em suas mãos dois cadernos. Eram diários que relatavam o cotidiano de um ucraniano após ser retirado de casa e levado à Alemanha pelo regime nazista na década de 1940.

O diretor viu que tinha uma grande história ali, que merecia ser levada às telas. Guto só não imaginava que daquela história nasceria outra, ainda mais emocionante.

“Iván”, o documentário que tem pré-estreia em Curitiba nesta terça-feira (24) e estreia nos cinemas de todo o Brasil na quinta (26), não se limita apenas a desvendar a história de seu protagonista. O filme literalmente leva-o ao encontro da história, em uma jornada à Ucrânia após quase sete décadas de separação.

Quando Guto entrevistou Iván em seu primeiro filme, foi para conhecer o octogenário que produzia e tocava a bandura, instrumento musical típico ucraniano.

Nas conversas, ficou sabendo que o ucraniano foi tirado à força do país natal em 1942 e levado à Alemanha para trabalhos forçados.

Com o fim da Segunda Guerra Mundial, ele não pode retornar ao país (então União Soviética) porque era considerado traidor pelo regime comunista.

Conseguiu vir para o Brasil, onde chegou em 1948 e permanece até hoje. À Ucrânia, onde ficaram os pais e duas irmãs, não voltou mais.

Guto conta que, após ver “Made in Ucrânia”, Iván o procurou. Foi quando lhe entregou os diários, com relatos dos 9 anos de idade até a chegada ao Brasil. “Tudo o que ele viveu nesse período, sob o regime nazista estava ali. À medida que eu ia lendo e traduzindo, ecoavam as palavras dele ao me entregar aquele material: ‘as pessoas precisam saber disso’”, conta o cineasta.

Como mostrar isso ao público? A pergunta levou a uma ideia ousada, viabilizada graças à seleção em um edital da Petrobras, que garantiu os recursos necessários para o projeto.

A proposta consistia em levar Iván de volta à Ucrânia, para visitar o vilarejo onde morou e reencontrar a irmã, que não via há 68 anos, desde que foram separados pela guerra. “Tínhamos bem claro o caminho a percorrer, mas era impossível prever o que iria acontecer”, conta Guto.

O resultado foram centenas de horas de filmagem, acompanhando um senhor de 90 anos, percorrendo 5 mil quilômetros pela Ucrânia em 40 dias. Entre o anúncio da viagem e o esperado reencontro com a irmã, Iván revê locais, pessoas e a cultura nativa. “Sabíamos que seria algo muito forte emocionante. Foi uma experiência transformadora para toda a equipe”, conclui o cineasta.

Por Anderson Gonçalves
http://www.gazetadopovo.com.br/caderno-g/cinema/cineasta-guto-pasko-leva-ivan-para-casa-8mg9ackfgyrnehdgbjwpudbnr

Assista ao trailer de “Iván”:

Gp7 Cinema



Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Categorias
Guto Pasko, Notícias

Comments Off on IVÁN estréia dia 19 de novembro nos cinemas

Filme “Iván” retrata história real de refugiado que retorna à Ucrânia após 68 anos longe da família.

Iván Bojko é um sobrevivente da Segunda Guerra Mundial. Nascido na Ucrânia, foi tirado à força de seu país em 1942 pelos nazistas para fazer trabalhos forçados na Alemanha. Em 1948 conseguiu imigrar para o Brasil, tornando-se apátrida. Desde então, não pôde retomar contato com seus familiares devido ao bloqueio imposto pelo regime político dos russos em seu país – um novo conflito entre os dois países retornou aos noticiários mundiais nos últimos tempos.

68 anos depois, ele retornou. Este comovente reencontro com o seu país, sua família e seu passado é retratado no filme “Iván”, que conta a história real de um refugiado, baseada nos diários escritos pelo próprio Iván Bojko, que tinha 91 anos quando voltou a pisar em solo ucraniano.

“Iván” tem direção de Guto Pasko, experiente realizador paranaense, que é descendente de ucranianos, e abordou o tema imigração em outros títulos de sua filmografia, tais como “Made in Ucrânia – Os Ucranianos no Paraná”, “A Colônia Cecília” (neste caso, sobre imigrantes italianos) e “O Herói de Cruz Machado” (poloneses).

O filme recebeu premiações no Festival de Cinema  de Maringá, Florianópolis Audiovisual Mercosul, Fest Cine Goiânia, além de ser exibido nos festivais de Brasília, Mostra Tiradentes, Olhar de Cinema (Curitiba), Cinesul , FENAVID (Bolívia), Festival Cinematográfico de Montevideo (Uruguai) e Festival Latino-Americano de Cinema de Trieste (Itália).

“Iván” é uma realização da GP7 Cinema, com produção de Andréia Kaláboa, patrocinado pela Petrobras, com a distribuição da Moro Filmes através do Edital do FSA para distribuição.

Esta semana marca o lançamento do trailer oficial deste longa-metragem.

Página oficial: ivanfilme.com

Página no Facebook: www.facebook.com/ivanfilme

Trailer: